Você está aqui: Mestre Academy / Blog / Métricas precisas: Filtro de tráfego para Redes Sociais no Google Analytics

Filtro para Redes Sociais no Google Analytics

Métricas precisas: Filtro de tráfego para Redes Sociais no Google Analytics

Você já se perguntou por que o Analytics classifica redes sociais como tráfego de referência? É a falta desse filtro na configuração.

Ainda não é Assinante?

Já sou assinante!

Filtro para corrigir tráfego: Redes Sociais

Ao incluir as mídias sociais no desenvolvimento de marketing digital para um site, o foco em performance surge rapidamente, ou seja, já que o canal vai receber um investimento, espera-se um retorno em compensação. Para medir o retorno: métricas.

Ao longo dos anos, esse esforço em redes sociais revelou ser de baixa performance vez após vez, caso após caso, e já é até senso comum que o canal seja de baixa conversão.

De fato, esse trabalho em Social Media tem maior relevância em engajamento e envolvimento com a marca, ações de meio de funil no inbound marketing, e para esta fase, sim, o trabalho pode se refletir em mais conversões no site posteriormente.

Ainda assim, é importante ter atenção a essas visitas, suas métricas e resultados. Neste ponto, um detalhe pode ter passado desapercebido para você.

Talvez você já tenha visto, mas não se deu conta de que o tráfego “mais natural” de redes sociais, àquele que não vai acompanhado de UTMs produzido por você, geralmente é classificado como tráfego de referência no Google Analytics.

Isso significa que você pode encontrar os sites de redes sociais (facebook.com, youtube.com, instagram.com e outros) no relatório de referências do Analytics, em Aquisição > Todo Tráfego > Referências.

Como o Analytics tem relatórios específicos para cada caso, redes sociais e sites de referência, essa pequena falha pode te levar a errar a interpretação de resultados por tráfego de referência e por tráfego de redes sociais. Especialmente se você abstrair a análise para canais ou mídias (mediums).

A consequência final é a sua análise sobre a performance de redes sociais ficar pior, escondendo ou faltando informações sobre o todo o tráfego que o canal levou ao site.

Naturalmente, isso pode levar a tomada de decisões erradas em relação à qualidade das ações e validade de todo o esforço para mídias sociais.

Por isso, é importante aprender a usar o Google Analytics corretamente e, para corrigir casos como esse, entender o uso de filtros de tráfego.

Veja neste vídeo exclusivo para assinantes da Academia de Marketing Digital como criar o filtro que corrige o tráfego de redes sociais e tenha métricas e dados melhores para otimizar os resultados do canal.

Clique (assine) e assista hoje.

Ainda não é Assinante?

Já sou assinante!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *